segunda-feira, 13 de março de 2017

QUAL PROFECIA PARA O BRASIL




Tenho percebido que muitos dos novos convertidos no cristianismo com o code-nome de "crente", chegam as igrejas sem nenhum conhecimento do mundo da graças e poder do Filho do Homem, mas ao serem batizados, vem a público e começam as revelações de sua vida pregressa, como se algo acrescentassem curriculum. 



Primeiro diz que saiu das drogas, do mundo do crack, bebidas e prostituições carnais, dizem foram ladrões, ex-presidiários, traficantes e contraventores, suicidas, homicidas difamadores, lacidipinos e muito mais.
Dentro de pouco tempo está falando línguas, pregando e levam muita gente ao centro das igrejas vazias, não falam de Deus, nunca conheceu a Jesus, e o povo veem como um profeta. Nós não mais vivemos o mundo do AT, onde a bravura e heroísmo eram fascinantes valiosos, agora estamos debaixo da graça, onde estão os bodes  e as ovelhas? Como está escrito em Mateus 25:
Quando um homem ou mulher que são religiosos, se convertem a uma igreja evangélica dos dias atuais, é costumeiro serem desprezados pelos lideres focando ao seu sincretismo acético, por não serem um crente  que venha do mundo bandido, ou outros que venha buscando aperfeiçoar sua fé já com vários anos de prática, de fé, e estudos; são rejeitados como fossem iniciantes ou viessem dos desertos do mundo, indo para a edícula do templo enquanto os que vieram sem nada de Deus são exaltados de imediato. Não se encontra em nenhum manual evangélico (cartas ou epístolas) que é preciso curso e aperfeiçoamentos para se tornar um líder em Cristo, basta a fé como fala em Hebreus que a fé é o que Deus se agrada.



Já observei isto em muitos ministérios evangélicos de muitos, que nunca souberam nada de Deus e viviam o mundo de Satã, e são recebidos com óleo da unção e conduzido pela sua conversão comparando com os varões do passado (igrejas primitivas), eles tinham um chamado e eram apontados pelo o Espirito Santo, em tese muitos são indicados pelos lideres que vêem um líder que podem arrebanhar ovelhas para aumentar os dizimistas e não para salvar, pregam a prosperidade, pregaram sem conhecimento da Palavra e dizem que vinha a caminho e Deus falou com ele para pregar à igreja esta palavra; que sem autoridade no falar pois em muitos não saem a verdade, se não o seu parafraseado genealógico e romântico, geologia de aventuras, e nada de oração, só teofanias.
Nas escrituras antigas, falam muito de anjos e demônios, no sistema de crença budista uma das coisas mais difícil é ultrapassar os demônios de sexto céu, muito bem, a palavra demônio ou daimon, originou-se do grego, que significava "poder divino" isso conta em varias outras crenças.
que veneravam os deuses, como ate hoje o deus grego Olympus, mundialmente chamado e adorado pelo culto de alimpadas de adoração Jogos "Olímpicos". O deus do futebol mundial.
Foi o discípulo de Platão, cujo nome era Xenócrates, ele desenvolveu o conceito de Demônios, como é visto nos dias de hoje, e com o vínculo da cultura ocidental (grega), tudo isso passou fazer parte do nosso conceito tradicional de religião no ocidente. 



Criando o conceito de religião, politica e futebol não se discute. Olha so o que está acontecendo no mundo de hoje, uma verdadeira Babilônia de Nabucodonosor que Deus lhe deu e ele negociou com o mundo caído e desertificou o país.
Estes conceitos, se desenvolveram, que nos livros de Cipriano, um monge do início do sec. III, designou como uma legião de anjos do mal, dizendo que foram anjos arrebatados para o inferno, esse pensamento hoje modificado como bom e mal (demônio bom) anjos, (demônio mal) diabo.
O judaísmo juntou o demônio as suas tradições helenístico, nela se reconhece facilmente a influencia masdeísta (zoroastrismo) na existência dos espíritos bons e dos espíritos maus, como uma religião judaica, o cristianismo herdou a crença de anjos e demônios, céu e inferno, assim incorporou fazer parte integrante das suas tradições religiosas. Religiosa porque tem o culto de adoração ao Redentor Nosso Senhor Jesus Cristo, no mundo dos Evangélicos Cristãos.
Os místicos tem a certeza da existência de personalidades muito mais evoluídas do que os cristãos com sua positividade e evolução, agem amorosamente para bem, particularmente quando experimentamos casos de angustia e desespero, torna esses seres verdadeiros anjos protetores das necessidades, em contra partida existem seres maus, que faz parte de crenças supersticiosas que vem agindo até nossos dias, cultua os mortos e falam em nome de Jesus, como os espiritas e feiticeiros, para enganar pela falta de conhecimento ilude muitos como chamou o profeta Oséias: Meu povo perece por falta de conhecimento (Os 4:6 e At. 17:11).

Ao contrário dos que pensam que o cristianismo no Ocidente esteja crescendo e prosperando, a verdade é que o que está crescendo é a árvore de mostarda, com suas aves malignas aninhadas em seus galhos, e a massa fermentada de má doutrina, duas coisas em Mateus 13 para representar o reino dos céus aqui na terra. O reino dos céus não é o céu, mas a esfera da profissão dos que reconhecem o Rei e Senhor Jesus, não necessariamente crendo nele ou se sujeitando a ele. No reino dos céus existem joio e trigo convivendo juntos. O que cresce no Ocidente é também o fato de que o nome de Cristo é cada dia mais tripudiado nessa grande casa que é a cristandade, chamada de Babilônia em Apocalipse. A Europa teve sem momento de conhecer o evangelho, teve muitos tocados pelo mesmo evangelho e promoveu uma era sem precedentes de evangelização do mundo. Só para abandonar de vez toda confissão cristã e até transformar suas antigas capelas em casas de shows. Agora nas Américas é a vez dos pregadores da prosperidade literalmente sapatearem sobre o cristianismo. (Mario Persona)
No livro de Victor Hugo "Os trabalhadores do mar", faz uma analogia sobre o universo, que existe mais seres celestiais na abobada, que na terra ou nos oceanos, se ficarmos em um lugar sem a devida luz a noite, se olharmos para o céu, veremos animais gelatinoso e ao amanhecer torna-se seres cristalizado-gelatinoso permitindo a visão cósmica de todo o universo
Más isso são outros assuntos para crente misticos e mítico não importa mas o mundo anda vendo muito as prosperidades antes mesmo das qualidades, de sinceridades de muitos crentes que hoje apenas são chamados pela alcunha de irmãos ou irmão.

Observamos o que diz o autor em comentar sobre o assunto de profecias para o Brasil diante dos dias atuais: Bruce Anstey, em seu livro "Acontecimentos Proféticos", faz este comentário:

"Nas nações ocidentais as pessoas serão tão raras quanto ouro. Isto será por causa da morte decorrente das catástrofes, doenças e guerras. Mas principalmente porque os anjos de Deus passarão por essas terras tirando delas os ímpios (vivos) e lançando-os no lago de fogo (a Colheita). A população diminuirá ainda mais (depois que os anjos passarem por essas terras) porque muitos dos que sobrarem irão retornar às suas pátrias de origem. Isaías 13:12, 14:23, 24:6; Jeremias 50:3, 39, 51:2; Apocalipse 6:3-8; Mateus 13:41-42, 24:36:41. As grandes cidades da Europa e América ficarão praticamente desabitadas durante o Milênio, depois que os anjos passarem por elas fazendo a colheita e separando os ímpios dos justos. As feras do campo rugirão nas casas e edifícios das cidades desoladas." Isaías 13:19-22; Jeremias 50:3, 39-40, 51:26, 29, 43."